21 dias meditando: qual o prazo para mudar um hábito?

Construir ou modificar hábitos exige paciência, disponibilidade, força e coragem. Porém, a mudança de apenas um hábito pode desencadear uma série de transformações positivas na vida de qualquer pessoa. Afinal, nós somos os hábitos que possuímos.


E o primeiro passo para isso acontecer é simples: COMEÇAR.


A técnica dos 21 dias é ótima para ajudar nesse processo. 21 dias meditando, 21 dias sem açúcar, 21 dias de prancha abdominal, 21 dias sem reclamar são todos desafios que proponho regularmente às pessoas, justamente para estimulá-las a mudar comportamentos.


O que essa técnica propõe é exercitar um novo comportamento por 21 dias para que ele se torne um hábito.


Então, por que usar desafios de 21 dias? Porque ao ter uma meta definida, a pessoa mantém o entusiasmo em seguir no desafio, que nem sempre é fácil. Ela sabe que terá de se esforçar por 21 dias e depois vai ficando mais fácil. Tentações e empecilhos vão surgir a todo momento -como na vida – e você precisa estar atento para passar por eles e manter o propósito.


Desafiar uma pessoa é dizer “vamos juntos pra ver se você é capaz”.


Quando você se torna capaz de um desafio pessoal, quando vence esse desafio, você ganha uma força interna grande. O desafio é para que a pessoa suba um patamar de fé em si mesmo, autoestima e confiança.

No desafio 21 dias meditando, por exemplo, você vai meditar um pouco todos os dias. E cada dia será um novo desafio. Isso gera novos estímulos para o cérebro, que precisa disso para gerar aprendizado.


Mas 21 dias são suficientes para mudar um hábito ou adquirir um novo hábito?


Ao começar um desafio como o 21 dias meditando, é importante você saber que talvez seja necessário mais do que esse prazo para que o hábito se estabeleça. Esse não é um, número mágico, mas é um número possível para muitas questões.


A pesquisadora Phillipa Lally, da University College of London, publicou um estudo no European Journal of Social Psychology sobre a formação de um novo hábito.


Esse estudo examinou os hábitos de 96 pessoas durante 12 semanas. Cada pessoa escolheu um novo hábito para trabalhar neste período. Algumas escolheram hábitos simples como “beber uma garrafa de água no almoço”. Outros escolheram tarefas mais difíceis como “correr 15 minutos antes do jantar”. A cada dia elas fizeram relatos sobre se adquiriram ou não o novo comportamento e o quão automático ele ficou.


No final das 12 semanas, os pesquisadores analisaram os dados para determinar quanto tempo demorou cada pessoa para começar um novo comportamento e deixá-lo “no automático”. O resultado do estudo mostrou que as pessoas levaram de 18 a 254 dias para as pessoas formarem um novo hábito.


Portanto, se você precisar repetir os desafios por mais 21 dias, repita. A persistência é que trará o resultado. Cada um tem suas particularidades. Há hábitos mais enraizados, e por isso mais difíceis de modificar. O importante é motivar e estimular sempre, perceber e valorizar as pequenas modificações e conquistas. Desafie-se por quantos dias for necessário, mas comece. A única forma de chegar ao fim é fazer o primeiro dia.

Experimente um MEDITAÇÃO GRATUITA para sentir o que esse novo hábito pode fazer por você.


E desafie-se com a jornada do 21 dias meditando, um programa para te ajudar nesse processo de mudança e hábito e ganho de performance. Vamos juntos?

51 visualizações